20% das habitações destruídas pelos incêndios na região Centro estão reconstruídas ou em obra - Edição Jornal
18585
post-template-default,single,single-post,postid-18585,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

20% das habitações destruídas pelos incêndios na região Centro estão reconstruídas ou em obra

20% das habitações destruídas pelos incêndios na região Centro estão reconstruídas ou em obra

O secretário de Estado do Desenvolvimento e da Coesão, Nelson Souza, garante que 20% das habitações destruídas na região centro pelos grandes incêndios de Outubro passado já estão reconstruídas ou em obras.

Lembrou que foram contabilizadas 1.066 habitações danificadas ou totalmente destruídas, mas dessas, cerca de 20% já estão em obras ou já reconstruídas, garantiu Nelson Souza aos jornalistas, em Tondela, após a assinatura do contrato entre a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Centro e o consórcio responsável por obras de reconstrução de habitações permanentes atingidas neste concelho do distrito de Viseu.

O secretário de Estado assinou o contrato que viabiliza a reconstrução de 94 casas, num investimento de 12 milhões de euros, o que, a breve prazo, vai permitir ter concluída a reconstrução de cerca de um quarto das casas afetadas pelos incêndios.

Nelson Souza mostrou-se ainda confiante que o Tribunal de Contas rapidamente dê luz verde a este contrato para que as obras avancem… preocupação que foi partilhada pelo autarca de Tondela, José António Jesus, que defendeu uma “maior celeridade” do Tribunal de Contas, para que avancem os projetos e as obras, para que se perca o menor tempo possível na reconstrução das habitações, que no concelho de Tondela foram 224 as famílias que viram as suas casas, de primeira habitação, atingidas pelos incêndios.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

(Foto: Adriano Miranda)