Mais de 83 mil crianças receberam a pulseira do programa "Estou Aqui" - Edição Jornal
19707
post-template-default,single,single-post,postid-19707,single-format-standard,bridge-core-1.0.5,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Mais de 83 mil crianças receberam a pulseira do programa “Estou Aqui”

Mais de 83 mil crianças receberam a pulseira do programa “Estou Aqui”

Mais de 83 mil crianças receberam no último ano uma pulseira do programa “Estou aqui!”, que ajuda a localizar crianças perdidas dos pais.

Os números foram avançados pelo Comando Nacional da PSP numa altura em que se prepara o lançamento da edição 2018/2019 desta iniciativa.

Desde o lançamento em 2015 que os números têm vindo a aumentar de forma considerável. Foram cerca de 35 mil pedidos no primeiro ano e em 2017 foram registados mais de 83 mil, com Lisboa e Porto no topo dos distritos onde os pais mais requisitaram a pulseira do “Estou aqui!”.

A PSP vai lançar esta sexta-feira, 1 de Junho, a 7.ª edição do “Estou Aqui!”, data em que se assinala o Dia Mundial da Criança.

Em caso de desaparecimento da criança, através de uma chamada para o 112 são acionadas as forças de segurança, que enviam para o local do desaparecimento uma patrulha policial.

Quanto ao programa “Estou Aqui Adultos”, a PSP adianta que foram pedidas cerca de 5 mil pulseiras. Já houve 21 situações de ativação do pedido de ajuda e todas foram bem sucedidas, com os elementos da PSP a rapidamente localizarem os adultos perdidos. Habitualmente são pessoas idosas e com casos de doenças como demência ou Alzheimer.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.