BALCÃO ÚNICO DO PRÉDIO (BUPi) NOS 14 MUNICÍPIOS DA CIM VISEU DÃO LAFÕES - Edição Jornal
47255
post-template-default,single,single-post,postid-47255,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

BALCÃO ÚNICO DO PRÉDIO (BUPi) NOS 14 MUNICÍPIOS DA CIM VISEU DÃO LAFÕES

BALCÃO ÚNICO DO PRÉDIO (BUPi) NOS 14 MUNICÍPIOS DA CIM VISEU DÃO LAFÕES

Está lançado na região da CIM Viseu Dão Lafões, o projeto Balcão Único do Prédio (BUPi), uma plataforma de registo e cadastro do território, que ficará disponível ao público já a partir de 28 de junho, nos 14 municípios que integram a comunidade.

O desenvolvimento do projeto BUPi nesta região é assumido pela Comunidade Intermunicipal (CIM) Viseu Dão Lafões, com o objetivo de “disponibilizar o serviço gratuito de identificação e registo de prédios rústicos, em 14 dos seus municípios: Aguiar da Beira, Carregal do Sal, Castro Daire, Mangualde, Nelas, Oliveira de Frades, Penalva do Castelo, Santa Comba Dão, São Pedro do Sul, Sátão, Tondela, Vila Nova de Paiva, Viseu e Vouzela”, indicou o gabinete da secretária de Estado da Justiça, em comunicado.

O projeto enquadra-se na fase de expansão do Sistema de Informação Cadastral Simplificado e do BUPi a todo o país, com a CIM Viseu Dão Lafões a ser uma das primeiras a aderir a esta plataforma que permite aos proprietários identificar os seus prédios rústicos e mistos, remotamente, de forma simples e gratuita, num balcão ou ‘online’, através de https://bupi.gov.pt/.

A iniciativa começou em novembro de 2017, com um projeto piloto em 10 municípios do Norte e Centro de Portugal Continental, no âmbito dos diplomas da reforma florestal aprovados após o incêndio de Pedrógão Grande, inclusive a criação do Sistema de Informação Cadastral Simplificado.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.