Câmara de Viseu quer facilitar o acesso ao “Viseu Investe” e captar mais investimento para o concelho - Edição Jornal
27756
post-template-default,single,single-post,postid-27756,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Câmara de Viseu quer facilitar o acesso ao “Viseu Investe” e captar mais investimento para o concelho

Câmara de Viseu quer facilitar o acesso ao “Viseu Investe” e captar mais investimento para o concelho

O programa ”Viseu Investe” vai ter novas regras. A autarquia já aprovou mudanças no regulamento com o objetivo de “conseguir uma maior capacidade de resposta à captação de investimento e à criação de emprego”.

A alteração ao regulamento foi aprovada, por decisão unânime, em reunião do executivo, mas terá ainda que ser sujeita a debate público e posterior aprovação em Assembleia Municipal.

O presidente da autarquia, Almeida Henriques, considera que o “Viseu Investe” tem conseguido o seu objetivo primordial de captar investimento para o concelho mas, frisou, “com as alterações previstas será aberta a possibilidade de financiamento a empresas que criem acima de três postos de trabalho”, e ainda “à aquisição de terrenos”.

O autarca lembrou que “a Câmara de Viseu é proprietária de praticamente a totalidade dos terrenos disponíveis no Parque Industrial do Mundão” e era por isso “necessário alterar o regulamento” para que, em algumas circunstâncias, possam haver benefícios para a sua disponibilização.

O novo regulamento, caso venha a ser aprovado, permitirá ainda a extensão dos apoios até aos cinco anos, uma valorização das componentes exportadora e industrial, e também ao nível de investimento em investigação e desenvolvimento.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

*****