CASTRO DAIRE: S.O.S RIO PAIVA DENUNCIA DESCARGAS POLUENTES NO RIO - Edição Jornal
41248
post-template-default,single,single-post,postid-41248,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

CASTRO DAIRE: S.O.S RIO PAIVA DENUNCIA DESCARGAS POLUENTES NO RIO

CASTRO DAIRE: S.O.S RIO PAIVA DENUNCIA DESCARGAS POLUENTES NO RIO

A Associação S.O.S Rio Paiva pediu ao Ministério do Ambiente que investigue a origem de descargas poluentes detetadas ao longo das últimas semanas no rio, na zona de Castro Daire.

Numa carta enviada ao ministro do Ambiente, a associação denuncia o que diz serem descargas poluentes “frequentes”, praticamente todas as manhãs do mês de agosto e “com origem incerta”. Os ambientalistas adiantam que as descargas são feitas a montante da localidade de Reriz.

A S.O.S Rio Paiva acrescenta na carta que há testemunhos da população que reside na zona do Rio Paiva, que as descargas são efetuadas “todos os dias de manhã cedo”, desconhecendo-se a sua origem. Lembram que o Rio Paiva foi já classificado como um dos mais limpos da Europa.

Acrescentam ainda que, na última década, têm feito diversos alertas para descargas poluentes na bacia do Rio Paiva, grande parte com origem no mau funcionamento das Estações de Tratamento de Águas Residuais (ETAR) de Vila Nova de Paiva e de Castro Daire.

A associação apela ao ministério do Ambiente para que investigue a origem destas descargas poluentes e garanta o bom funcionamento das ETAR´s.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária  96.8 FM ou em www.968.fm