Centro Hospitalar Tondela-Viseu com pré-aviso de greve de enfermeiros - Edição Jornal
24417
post-template-default,single,single-post,postid-24417,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Centro Hospitalar Tondela-Viseu com pré-aviso de greve de enfermeiros

Centro Hospitalar Tondela-Viseu com pré-aviso de greve de enfermeiros

O centro hospitalar Tondela-Viseu é um dos que tem um pré-aviso de greve dos enfermeiros que poderá afetar o normal funcionamento ou mesmo paralisar a realização de cirurgias não urgentes.

Os dois sindicatos que convocaram a greve em blocos operatórios vão ter uma reunião negocial com o Ministério da Saúde na próxima semana, mas mantêm os pré-avisos de greve para sete centros hospitalares, entre os quais o Tondela-Viseu.

Os presidentes da Associação Sindical Portuguesa dos Enfermeiros, o ASPE, e do Sindicato Democrático dos Enfermeiros de Portugal, o Sindepor, vão ter uma reunião negocial no dia 3 de janeiro à tarde no Ministério da Saúde, mas, ainda assim, o Sindepor mantém um pré-aviso para uma greve geral de enfermeiros, em todos os serviços e em todas as instituições públicas, de 8 a 11 de janeiro, enquanto o ASPE tem dois pré-avisos de greve emitidos, um de 7 a 20 de janeiro e outro de 14 a 28 de janeiro.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm