CIM VISEU DÃO LAFÕES LANÇA GUIA PATRIMONIAL PARA DESCOBRIR OS 14 MUNICÍPIOS DA REGIÃO - Edição Jornal
47915
post-template-default,single,single-post,postid-47915,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

CIM VISEU DÃO LAFÕES LANÇA GUIA PATRIMONIAL PARA DESCOBRIR OS 14 MUNICÍPIOS DA REGIÃO

CIM VISEU DÃO LAFÕES LANÇA GUIA PATRIMONIAL PARA DESCOBRIR OS 14 MUNICÍPIOS DA REGIÃO

 

A Comunidade Intermunicipal (CIM) da Região Viseu Dão Lafões lança roteiro turístico “Rede Patrimonial Viseu Dão Lafões”, que propõe um conjunto de itinerários pelos recursos patrimoniais de natureza material e imaterial, distribuídos pelos 14 municípios que integram o território.

“Desde a pré-história que a região foi escolhida como “casa” pelas mais diversas povoações, que ali deixaram memórias e provas da sua presença, tornando-a num terreno fértil para vivências e experiências únicas, que importa agora conhecer ou redescobrir, sem demora” descreve comunicado.

Conforme a nota informativa, o roteiro integra informações úteis, como um glossário, que permitirá ao viajante e turista preparar-se para uma viagem pelas palavras associadas à história de arte, à arqueologia e à arquitetura, estando dividido em oito secções: Viseu, Dão, Lafões, Montemuro e Paiva, Jóias Bem Guardadas, A não Perder, Informações Úteis e Diário de Viagem, “fundamental para quem quer partir à descoberta do património cultural de Viseu Dão Lafões, que se estende por uma área de 3 483 km2 e que acolhe os segredos mais bem guardados da Região, incluindo rituais populares e religiosos”.

“Com uma paisagem deslumbrante marcada pela serra e pelos rios, o território é ainda palco do maior número de termas em funcionamento no País, com caraterísticas que garantem a qualidade inequívoca das suas águas termais e cuja pureza e riqueza em termos químicos e mineralógicos as torna especialmente indicadas para fins terapêuticos”, realça.

Segundo comunicado, roteiro “convida ainda a descobrir o talento dos homens e das mulheres” que se tem perpetuado no tempo, através das tradições de burel ou do barro negro, da produção dos vinhos do Dão e do receituário gastronómico.  

A cidade de Viseu “é a porta de entrada deste roteiro e dá o mote para o início de uma viagem inesquecível, que se propõe dar a conhecer as jóias bem guardadas da Região, dos centros históricos ao termalismo, das tradições  aos vinhos do Dão, entre muitas outras preciosidades. Há muito para descobrir na Região Viseu Dão Lafões e o roteiro é apenas o convite ou o pretexto para explorar em detalhe o território”.

O roteiro está disponível em https://www.visitviseudaolafoes.pt

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.