COVID-19: LAMEGO COM CENTRO DE APOIO AO SERVIÇO NACIONAL DE SAÚDE - Edição Jornal
44625
post-template-default,single,single-post,postid-44625,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

COVID-19: LAMEGO COM CENTRO DE APOIO AO SERVIÇO NACIONAL DE SAÚDE

COVID-19: LAMEGO COM CENTRO DE APOIO AO SERVIÇO NACIONAL DE SAÚDE

Lamego tem a funcionar um centro de vigilância ativa, com enfermeiros e técnicos, de apoio ao Serviço Nacional de Saúde (SNS).

A autarquia cedeu o espaço para acolher este centro “já em pleno funcionamento” de “apoio ao Serviço Nacional de Saúde na realização de rastreios de contactos de risco de doentes”, nomeadamente os cidadãos que se encontram em isolamento profilático, informou em comunicado.

O novo serviço funciona junto do Centro Multiusos de Lamego e foi criado em parceria com os municípios vizinhos de Tarouca e Armamar, também a norte do distrito de Viseu, e com o Agrupamento de Centros de Saúde (ACES) Douro Sul.

“Quem faz esta vigilância junto dos cidadãos que se encontram em isolamento, por terem tido contacto com pessoas infetadas pelo vírus, são enfermeiros afetos ao ACES Douro Sul e técnicos das três autarquias que o centro abrange”, adianta a autarquia lamecense.

Entre as tarefas destes operadores, “está a vigilância de qualquer sintoma, o reforço das recomendações” da Direção-Geral da Saúde (DGS) e também “disponibilizam códigos aos utentes para fazerem testes de despiste” aos SARS-CoV-2, que provoca a covid-19.

“Esta plataforma de apoio ao SNS visa felicitar os técnicos que realizam aqui centenas de chamadas por dia para fazer inquéritos epidemiológicos, com o objetivo de mitigar o risco de contágio”, justifica o comunicado de imprensa.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.