COVID-19: PORTUGAL ULTRAPASSOU OS 400 MIL CASOS DESDE O INÍCIO DA PANDEMIA - Edição Jornal
43939
post-template-default,single,single-post,postid-43939,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

COVID-19: PORTUGAL ULTRAPASSOU OS 400 MIL CASOS DESDE O INÍCIO DA PANDEMIA

COVID-19: PORTUGAL ULTRAPASSOU OS 400 MIL CASOS DESDE O INÍCIO DA PANDEMIA

Portugal ultrapassou hoje 400 mil casos de infeção com o novo coronavírus desde o início da pandemia de covid-19, segundo a Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim da DGS, o país contabiliza hoje mais 74 mortes relacionadas com a covid-19 e 3.336 novos casos.

O boletim epidemiológico da DGS indica ainda que estão internadas 2.930 pessoas, menos 37 do que na segunda-feira, das quais 486 em cuidados intensivos, menos 17.

Desde o início da pandemia, Portugal já registou 6.751 mortes e 400.002 casos de infeção pelo vírus SARS-CoV-2, estando hoje ativos 65.457, menos 2.850 do que na segunda-feira.

As autoridades de saúde têm em vigilância 91.141 contactos, menos 1.995 relativamente ao dia anterior.

Um total de 6.112 pessoas recuperaram da doença, o que representa quase o dobro do número de novos casos.

Desde o início da epidemia em Portugal, em março, já recuperaram 327.794 pessoas.

Nos números do distrito de Viseu, os números mais recentes, atualizados no final do dia de domingo pelas autoridades de saúde, apontavam para um total de 2043 casos ativos, 157 óbitos desde o início da pandemia e um total de 6499 pessoas que já recuperaram da doença.

O estado de emergência decretado em 09 de novembro para combater a pandemia foi renovado até 07 de janeiro, com recolher obrigatório nos concelhos de risco de contágio mais elevado.

O Governo decidiu manter as medidas previstas para o Natal, mas agravou as do período do Ano Novo, com recolher obrigatório a partir das 23:00 de 31 de dezembro, e a partir das 13:00 nos dias 01, 02 e 03 de janeiro.

É também proibido circular entre concelhos entre as 00:00 de 31 de dezembro e as 05:00 de 04 de janeiro.

O funcionamento dos restaurantes em todo o território continental é permitido até às 22:30 no último dia do ano, e até às 13:00 nos dias 01, 02 e 03 de janeiro.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.