COVID-19: RESENDE EM CINFÃES EM RISCO DE 'MARCHA-ATRÁS' NO DESCONFINAMENTO - Edição Jornal
46233
post-template-default,single,single-post,postid-46233,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

COVID-19: RESENDE EM CINFÃES EM RISCO DE ‘MARCHA-ATRÁS’ NO DESCONFINAMENTO

COVID-19: RESENDE EM CINFÃES EM RISCO DE ‘MARCHA-ATRÁS’ NO DESCONFINAMENTO

Portugal tem hoje 43 concelhos com incidência da covid-19 superior a 120 casos por 100 mil habitantes nos últimos 14 dias, mais 14 em relação ao boletim anterior divulgado na última sexta-feira, com Resende (572) e Cinfães (247) incluídos nesta ‘lista negra’.

Em risco muito elevado de contágio estão os municípios de Vila Franca do Campo (1.357), nos Açores, e Odemira (991), que registam incidências acumuladas superiores a 960 casos por 100 mil habitantes.

Dos 43 concelhos, quatro registam um acumulado, nos últimos 14 dias, de mais de 480 casos por cada 100 mil habitantes: Aljezur (501), Machico (546), Resende (572) e Nordeste (576).

Sete concelhos têm valores acima dos 240 casos por 100 mil habitantes: Lagoa (319), Portimão (306), Porto Moniz (299), Ribeira Grande (317), Cabeceiras de Basto (326), Cinfães (247) e Penela (278).

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.