ESTADO DE EMERGÊNCIA RENOVA MAIS 15 DIAS, ALIVIA NO NATAL E É MAIS RESTRITIVO NA PASSAGEM DE ANO - Edição Jornal
43843
post-template-default,single,single-post,postid-43843,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

ESTADO DE EMERGÊNCIA RENOVA MAIS 15 DIAS, ALIVIA NO NATAL E É MAIS RESTRITIVO NA PASSAGEM DE ANO

ESTADO DE EMERGÊNCIA RENOVA MAIS 15 DIAS, ALIVIA NO NATAL E É MAIS RESTRITIVO NA PASSAGEM DE ANO

O Estado de Emergência é prolongado em Portugal a partir das 00 horas desta quinta-feira, 24 de dezembro, e vai manter-se até 7 de janeiro de 2021.

Desta vez com medidas especiais, que serão menos restritivas no Natal mas voltam a `apertar´ na Passagem do Ano.

Quanto ao distrito de Viseu, segundo a lista de níveis de risco divulgada pelo Governo em `risco extremo´ de contágio, estão ArmamarTabuaço e Mortágua.

Já no nível de `risco muito elevado´, o segundo mais grave, estão os concelhos de ViseuCinfãesLamegoNelasResende e Sernancelhe.

Os concelhos de Carregal do Sal, castro Daire, Moimenta da Beira, Penedono, Santa Comba Dão, São João da Pesqueira, São Pedro do Sul, Sátão, Tarouca, Tondela e Vouzela estão no nível de `risco elevado´ e no mais baixo, `risco moderado´ estão Mangualde, Oliveira de Frades, Penalva do Castelo e Vila Nova de Paiva.

Assim, e nos municípios em Risco Extremo ou Muito Elevado, será proibido circular na via pública entre as 23h00 e as 5h00 em todos os dias, exceto a 23, 24 e 25 de dezembro.

Nos dias úteis, o horário de encerramento dos estabelecimentos comerciais tem como limite as 22 horas, enquanto restaurantes e equipamentos culturais podem encerrar meia hora mais tarde.

No fim-de-semana, em todo o país, vai vigorar a proibição de circulação na via pública entre as 13h00 e as 5h00 do dia seguinte, com encerramento do comércio a partir das 13h00 e abertura a partir das 8h00, exceto farmácias, clínicas e consultórios, postos de abastecimento de combustível, estabelecimentos de venda de bens alimentares com porta para a rua e área máxima até 200 m2, que podem cumprir o horário habitual.

No dia 26 de dezembro é permitido o funcionamento dos restaurantes até às 15h30 e a circulação na via pública até às 23h00.

Quanto à noite de fim-de-ano, haverá recolher obrigatório a partir das 23h00 de 31 de dezembro e entre as 13h00 e as 05h00 nos dias 1, 2 e 3 de janeiro, aplicado a todo o país, qualquer que seja o nível de risco de cada concelho.

Haverá ainda proibição de circulação entre concelhos entre as 00h00 de 31 de dezembro e as 05h00 de 4 de janeiro.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.