Fechou as portas a unidade de produção da Água do Caramulo, em Oliveira de Frades - Edição Jornal
26199
post-template-default,single,single-post,postid-26199,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Fechou as portas a unidade de produção da Água do Caramulo, em Oliveira de Frades

Fechou as portas a unidade de produção da Água do Caramulo, em Oliveira de Frades

Fechou as portas a unidade de produção da Água do Caramulo, em Oliveira de Frades, deixando no desemprego mais de duas dezenas de trabalhadores.

O Grupo Super Bock, dono da empresa, comunicou em janeiro o encerramento da unidade, justificando a decisão com “quebra do volume de vendas da Água do Caramulo”, na ordem dos 50 por cento ao longo da última década.

A empresa propôs aos 26 funcionários a possibilidade de serem transferidos para outras unidades do grupo, mas apenas dois acederam, com os restantes 24 a rescindirem contrato.

Apesar de estar já de portas fechadas, há expectativa que a unidade venha a ser adquirida por alguns investidores que terão manifestado intenção de dar continuidade à produção da Água do Caramulo. Essa mesma solução chegou a ser admitida pelo autarca de Oliveira de Frades, Paulo Ferreira, que sem se alongar em pormenores não esconde que nos nas próximas semanas poderá haver uma decisão sobre o assunto.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

*****