Futebol Feminino: Viseu 2001 e Lusitano de Vildemoinhos em "guerra" por causa da equipa sénior - Edição Jornal
21512
post-template-default,single,single-post,postid-21512,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Futebol Feminino: Viseu 2001 e Lusitano de Vildemoinhos em “guerra” por causa da equipa sénior

Futebol Feminino: Viseu 2001 e Lusitano de Vildemoinhos em “guerra” por causa da equipa sénior

Viseu 2001 e Lusitano de Vildemoinhos estão em “guerra” aberta por causa da equipa sénior de futebol feminino.

Na passada semana foram praticamente simultâneos os comunicados em que o Viseu 2001 apontava para a suspensão, por um ano, da sua principal equipa de futebol feminino, enquanto clube trambelo, por alturas do aniversário dos seus 102 anos, anunciava precisamente a criação de uma equipa feminina.

Agora, vem o Viseu 2001 acusar o Lusitano de estar a assediar algumas das suas jogadoras, não só da equipa sénior como dos escalões de formação, apontando o dedo ao clube trambelo e à sua ex-técnica, Francisca Martins que, ao que tudo indica, vai assumir a liderança do projeto no Lusitano.

Em resposta, o Lusitano lembra os responsáveis do Viseu 2001 que não se trata de nenhum caso de assédio, recordando que no futebol feminino a ligação entre atletas e clubes é válida apenas por uma temporada, e que, no caso das atletas menores de idade, é também necessária a autorização dos pais, processo que o Lusitano diz que está a respeitar.

Os responsáveis pelo clube trambelo garantem que já têm a equipa feminina inscrita na Federação Portuguesa de Futebol e autorizada a competir, desta forma contrariando o Viseu 2001 que alegava que o Lusitano não iria ter competição já este ano, e estaria a aliciar jogadoras para uma equipa que não existia.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.