Governo tem 5,7 milhões de euros para remodelar as urgências do Hospital de Viseu mas não se compromete com datas - Edição Jornal
28089
post-template-default,single,single-post,postid-28089,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Governo tem 5,7 milhões de euros para remodelar as urgências do Hospital de Viseu mas não se compromete com datas

Governo tem 5,7 milhões de euros para remodelar as urgências do Hospital de Viseu mas não se compromete com datas

O Governo tem 5,7 milhões de euros para as obras de alargamento e remodelação das urgências do Centro Hospitalar Tondela-Viseu.

A verba está inscrita no Programa de Investimentos na Área da Saúde, revelado pelo executivo onde são anunciados investimentos de mais de 90 milhões de euros ao longo dos próximos três anos em infraestruturas e equipamentos de 10 hospitais do Serviço Nacional de Saúde, incluindo o São Teotónio, em Viseu.

O Ministério da Saúde tem a obra sinalizada, mas não avança datas para o arranque das obras, apesar da promessa recente da Ministra da Saúde ao presidente da Câmara de Viseu que deverão começar até ao Verão. O processo está nesta altura ainda à espera da validação por parte do Tribunal de Contas.

Dos quase 91 milhões de euros a investir até 2021, 69,3 milhões de euros serão verbas do Orçamento do Estado e 21,3 milhões são financiados por fundos europeus.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm

*****