MUNICÍPIOS DO DISTRITO DE VISEU ENTRE OS QUE REGISTAM MAIS PEDIDOS PARA QUEIMADAS - Edição Jornal
46399
post-template-default,single,single-post,postid-46399,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

MUNICÍPIOS DO DISTRITO DE VISEU ENTRE OS QUE REGISTAM MAIS PEDIDOS PARA QUEIMADAS

MUNICÍPIOS DO DISTRITO DE VISEU ENTRE OS QUE REGISTAM MAIS PEDIDOS PARA QUEIMADAS

A plataforma para autorização de queimas e queimadas registou perto de 2 milhões de pedidos durante os primeiros dois anos de funcionamento, segunda dados do Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF).

Entre os 25 municípios com mais solicitações estão quatro do distrito de Viseu, casos de Tondela, São Pedro do Sul, Mangualde e Viseu.

De acordo com o Sistema Nacional de Defesa da Floresta Contra Incêndios, que se aplica a todo o território continental português, é competência das câmaras e das juntas de freguesia decidir sobre os pedidos de autorização para queimas e queimadas. Quem não o fizer incorre no pagamento de multas que podem variar entre os 140 euros a 5.000 euros, e que podem chegar aos 60 mil euros no caso de empresas.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.