VISEU: ‘NO FIO NA PALAVRA’ RECUPERA HISTÓRIAS, MITOS E LENDAS DE VISEU - Edição Jornal
46819
post-template-default,single,single-post,postid-46819,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

VISEU: ‘NO FIO NA PALAVRA’ RECUPERA HISTÓRIAS, MITOS E LENDAS DE VISEU

VISEU: ‘NO FIO NA PALAVRA’ RECUPERA HISTÓRIAS, MITOS E LENDAS DE VISEU

O projeto ‘No Fio na Palavra’, da Mochos no Telhado, tem em agenda entre maio e novembro um conjunto de iniciativas que vão acontecer em quatro freguesias do concelho de Viseu.

Junto dos mais velhos das freguesias de Mundão, Abraveses e Repeses e São Salvado, vão ser recuperadas histórias, contos tradicionais, lendas e mitos, e é agora por estas três freguesias, e também pela de Viseu, que todas essas histórias serão contadas, e o objetivo é juntar várias gerações para lhes transmitir e ajudar a preservar esse património imaterial.

 “Vira o disco e conta outro” é o nome do primeiro encontro que vai acontecer já esta sexta-feira, 28 de maio, pelas 19:00 no Museu Nacional Grão Vasco, e conta com o ator Guilherme Gomes, a bailarina Leonor Barata e o músico Carlos Clara Gomes que dão assim início ao ciclo de atividades.

A Mochos no Telhado garante que a programação terá sessões para todas as faixas etárias, com rodas de contos, atividades para famílias com crianças, espetáculos e muitas conversas.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.