PSP DETEVE TRÊS HOMENS EM VISEU DURANTE A OPERAÇÃO PÁSCOA EM CASA - Edição Jornal
45909
post-template-default,single,single-post,postid-45909,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

PSP DETEVE TRÊS HOMENS EM VISEU DURANTE A OPERAÇÃO PÁSCOA EM CASA

PSP DETEVE TRÊS HOMENS EM VISEU DURANTE A OPERAÇÃO PÁSCOA EM CASA

Trezentas e setenta pessoas foram detidas pela Polícia de Segurança Pública (PSP) em Portugal, três das quais em Viseu, entre 26 de março e 05 de abril, período em que decorreu a Operação Páscoa em Casa e onde estava em vigor recolhimento obrigatório e proibição de circulação entre concelhos.

Em comunicado, a PSP adianta que foram detidas 132 pessoas por conduzirem sem carta, 93 pessoas por condução sob o efeito do álcool, 31 por tráfico de droga, 12 por posse de arma ilegal e 31 por mandado judicial.

Durante a operação, foram apreendidas 32 armas, das quais 12 de fogo e mais de 4.000 doses de droga.

Foram fiscalizadas mais de 50 mil viaturas, e detetadas 2.900 infrações. Emitidas 710 multas por falta de inspeção, 156 automobilistas por usarem o telemóvel durante a condução e 146 por falta de seguro obrigatório.

Na área de intervenção da PSP de Viseu, os números avançados pelo Comando Distrital, apontam para três detenções: dois homens, de 64 anos e 58 anos, por conduzirem sob efeito do álcool, um homem de 30 anos por desobediência já que foi apanhado a conduzir já depois de ter acusado uma taxa de 2,49 gramas por litro de álcool no sangue, que o inibia de conduzir por 12 horas, e um outro homem de 42 anos na posse de 38 munições e a circular numa viatura sem seguro.

A PSP emitiu ainda vários autos por não-cumprimento do dever geral de recolhimento.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.