SEMANA DO REGRESSO ÀS AULAS PARA MAIS DE 1,2 MILHÕES DE ALUNOS - Edição Jornal
49351
post-template-default,single,single-post,postid-49351,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

SEMANA DO REGRESSO ÀS AULAS PARA MAIS DE 1,2 MILHÕES DE ALUNOS

SEMANA DO REGRESSO ÀS AULAS PARA MAIS DE 1,2 MILHÕES DE ALUNOS

Cerca de 1,2 milhões de alunos do ensino obrigatório começam esta semana as aulas, com algumas escolas já de portas abertas enquanto outras vão reabrir até final da semana, como vai acontecer no concelho de Viseu onde o início está marcado para dia 17, sexta-feira.

Novo ano letivo onde está previsto um plano de recuperação de aprendizagens devido aos atrasos nos programas provocado pela pandemia de covid-19.

Pandemia que continua a afetar o dia-a-dia das escolas, onde o uso da máscara continua a ser obrigatório, com corredores de circulação, e onde os alunos podem conviver apenas com os colegas de turma, mantendo a chamada “bolha sanitária”.

Novo ano também marcado pelas restrições à venda de alguns alimentos e bebidas em máquinas automáticas e nas cantinas e bares das escolas, onde já não haverá alimentos como folhados, batatas fritas, refrigerantes, chocolates ou bolas de Berlim.

Quanto aos docentes, terão em mãos a execução do Plano 21/23 Escola +, com que se pretende, até 2023, recuperar as aprendizagens perdidas durante o confinamento dos últimos dois anos letivos.

O novo ano letivo marcado ainda pela transferência de competências da educação para as autarquias, que deverá estar concluída até ao final de março de 2022.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.