VISEU: 4,5 MILHÕES DE EUROS PARA A ÁREA DE ACOLHIMENTO EMPRESARIAL EM LORDOSA - Edição Jornal
48201
post-template-default,single,single-post,postid-48201,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

VISEU: 4,5 MILHÕES DE EUROS PARA A ÁREA DE ACOLHIMENTO EMPRESARIAL EM LORDOSA

VISEU: 4,5 MILHÕES DE EUROS PARA A ÁREA DE ACOLHIMENTO EMPRESARIAL EM LORDOSA

A Câmara de Viseu deu ‘luz verde’ ao concurso para a construção da Área de Acolhimento Empresarial em Lordosa (AAEL), um investimento superior a 4,5 milhões de euros.

No final da reunião do executivo, onde a empreitada foi aprovada, a presidente da Câmara de Viseu, Conceição Azevedo considerou que a obra será “fundamental na estratégia em fazer de Viseu um polo de atratividade de investimento, no domínio da competitividade empresarial” e “fundamental para a dinamização do Norte do concelho” e para “o aumento da oferta de emprego qualificado e a consequente fixação de pessoas”.

A primeira fase das obras tem um prazo de um ano, e prevê a construção e implementação de peças e estruturas consideradas essenciais para o bom funcionamento do espaço. A empreitada incluirá, por exemplo, infraestruturas hidráulicas, estação de tratamento de águas residuais, plano de acessibilidades, arquitetura paisagista, plano de segurança e saúde e plano de prevenção e gestão de resíduos.

A previsão da Câmara de Viseu é que as empresas se possam começar a instalar a partir de 2022.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.