VISEU: BE QUESTIONA GOVERNO SOBRE ABATE DE ÁRVORES NO FONTELO - Edição Jornal
47090
post-template-default,single,single-post,postid-47090,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

VISEU: BE QUESTIONA GOVERNO SOBRE ABATE DE ÁRVORES NO FONTELO

VISEU: BE QUESTIONA GOVERNO SOBRE ABATE DE ÁRVORES NO FONTELO

O Bloco de Esquerda questionou o Governo sobre o abate de árvores na Mata do Fontelo e apela à sua intervenção e da Câmara Municipal de Viseu para “parar a destruição” do pulmão da cidade.

“O Bloco de Esquerda defende a imediata intervenção do Governo e da Câmara Municipal de Viseu para parar a destruição da área em questão, usando todos os meios administrativos e legais ao seu dispor para o fazer”, de acordo com o documento entregue na Assembleia da República, subscrito pelos deputados Maria Manuel Rola e Nelson Peralta.

Esta intervenção, defendem os parlamentares, deve ser feita “através da inclusão deste espaço na gestão pública e de uma urgente alteração do PDM [Plano Diretor Municipal], que prevê, dentro do que ainda é zona natural, construção”.

Segundo uma nota de imprensa, o documento enviado à Assembleia da República pelo Bloco de Esquerda (BE) questiona ainda o Governo se “tem conhecimento desta situação e se tem intenção de interceder junto da Câmara Municipal de Viseu para que esta atue no sentido de parar a destruição da Mata do Fontelo”.

“Que medidas vai o Governo tomar para preservar a Mata do Fontelo? A Mata do Fontelo é uma área classificada? Se não, considera o Governo vir a classificar a Mata?”, questionam os dois deputados.

Em causa, estão, segundo o Bloco de Esquerda, o “abate de centenas de árvores, na sua esmagadora maioria carvalhos, independentemente da idade e da sua função em todo o ecossistema da Mata do Fontelo, uma área de exuberante vegetação com origem secular, na cidade” de Viseu.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.