VISEU: CÂMARA “FICA” COM ANTIGO TROÇO DO IP5 E RECEBE 1,4 MILHÕES DE EUROS - Edição Jornal
43435
post-template-default,single,single-post,postid-43435,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

VISEU: CÂMARA “FICA” COM ANTIGO TROÇO DO IP5 E RECEBE 1,4 MILHÕES DE EUROS

VISEU: CÂMARA “FICA” COM ANTIGO TROÇO DO IP5 E RECEBE 1,4 MILHÕES DE EUROS

A Câmara de Viseu vai ficar responsável por um troço de quase dez quilómetros do antigo IP 5, e recebe por isso cerca de 1,4 milhões de euros por parte da Infraestruturas de Portugal.

A Câmara de Viseu pretendia ficar com todo o traçado do IP5 que atravessa o concelho, mas a Infraestruturas de Portugal considera que o troço entre o Caçador e o acesso à A24 é uma via de ligação entre duas autoestradas e, por isso, não pode ser municipalizada.

Assim, o acordo agora estabelecido prevê que passem para a responsabilidade do Município de Viseu cerca de 10 quilómetros, que vão desde o nó de acesso à A24 até ao limite do concelho, no nó da Penoita, recebendo a autarquia uma compensação de cerca de 1,4 milhões de euros em troca de fazer obras de conservação do troço.

Além da requalificação do traçado, a autarquia de Viseu já assumiu eu fará, e pagará, um nó de ligação do IP5 à freguesia da Boa Aldeia, Farminhão e Torredeita.

Um segundo acordo prevê que o Município de Viseu fique com o troço da Estrada Nacional 229 entre a Betão Liz e o acesso ao IP5, que permitirá á autarquia avançar com a construção da programada rotunda na zona do antigo Matadouro,  que facilitará a ligação entre Viseu e Sátão.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm.