Viseu vai ter Centro Regional de Proteção Civil - Edição Jornal
35807
post-template-default,single,single-post,postid-35807,single-format-standard,qode-quick-links-1.0,ajax_fade,page_not_loaded,,hide_top_bar_on_mobile_header,qode-theme-ver-11.0,qode-theme-bridge,wpb-js-composer js-comp-ver-6.0.3,vc_responsive

Viseu vai ter Centro Regional de Proteção Civil

Viseu vai ter Centro Regional de Proteção Civil

O ministro da Administração Interna anunciou em Viseu que a cidade vai receber um dos cinco centros regionais da proteção civil do país, previsto estarem a funcionar já no segundo trimestre deste ano.

Eduardo Cabrita justificou a decisão, pela localização geográfica de Viseu, pela capacidade de operar meios aéreos através do Aeródromo Municipal e pela proximidade com áreas consideradas de risco, em especial ao nível dos incêndios florestais.

Viseu é o terceiro comando regional a ser anunciado, depois de Almeirim para o comando de Lisboa e Vale do Tejo e Loulé, para a coordenação do Algarve, ficando a faltar conhecer ainda o local dos dois restantes centros operacionais, sabendo-se que um será na zona do Alentejo e outro na região Norte.

Eduardo Cabrita esteve em Viseu onde assinou com o Município o alargamento do contrato local de segurança que além de permitir reforçar a proteção no centro histórico da cidade, também será alargado a bairros periurbanos do concelho.

Esta e outras notícias para ouvir em desenvolvimento na Estação Diária – 96.8 FM ou em www.968.fm .